nº 32 ano 9 | Março 2018
Entrevista

Experiências olímpicas

representações, dissensos e legados

Com Jilly Traganou e João Carlos Carvalhaes dos Santos Monteiro

Nascida na Grécia e residindo nos Estados Unidos há mais de vinte anos, Jilly Traganou é arquiteta, doutora pela Universidade de Westminster e professora na Parsons School of Design, em Nova Iorque. Suas pesquisas buscam analisar as relações entre espaço, arquitetura e design, com enfoque nas situações de dissenso, bem como o papel do design na configuração de novas identidades nacionais e pós-nacionais. Entre os anos de 2016 e 2017, Jilly foi contemplada com uma bolsa Fulbright, possibilitando que ela se estabelecesse no Brasil para pesquisar os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Tradução: João Carlos Monteiro

Revisão: Eduardo Sombini

Experiências olímpicas
Jilly Traganou
João Carlos Carvalhaes dos Santos Monteiro
joaocarlosmonteiro@gmail.com
é doutorando em Geografia pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e doutorando em Estudos Urbanos pela Université du Québec à Montréal (UQAM). Desenvolve pesquisa sobre as transformações da zona portuária do Rio de Janeiro no âmbito do projeto Porto Maravilha.